Banco de Moçambique aumenta a Taxa de Juro de Política Monetária em 200 pb, para 15,25

O Comité de Política Monetária (CPMO) do Banco de Moçambique (BM) decidiu, no dia 30 de Março último, manter a taxa de juro de política monetária, taxa MIMO, em 15,25%. Esta decisão é sustentada pela substancial revisão em alta das perspectivas de inflação para o curto e médio prazo, a reflectir a materialização e agravamento de alguns riscos, com destaque para a escalada do conflito geopolítico na Europa e a ocorrência de desastres naturais na região centro e norte do país.

taxamimo322.jpgDe acordo com o Comunicado do BM, o aumento da taxa MIMO visa manter o controlo da inflação no curto e médio prazo, de modo a permitir o início de um processo gradual de transação para taxas de juro de dígito no médio e longo prazo, num contexto de retoma do programa com o Fundo Monetário Internacional (FMI) e de execução dos projectos de gás natural.

Para o BM, as perspectivas de inflação para o curto e médio prazo foram revistas em alta. As projecções apontam para uma aceleração de inflação geral e subjacente, no curto e medio prazo, a reflectir, principalmente, o efeito directo e indirecto do aumento dos preços ndos combustíveis e dos produtos alimentares, bem assim o impacto dos desastres naturais que têm estado a assolar o país, não obstante a estabilidade do Metical. Em Fevereiro de 2022, a inflação anual fixou-se em 6,8 por cento.

Contacto

Rua da Imprensa 265
Prédio 33 Andares
4º Andar, Porta 415
Maputo - Moçambique
Tel: (+258) 21 310818
Email: amb@amb.co.mz